Kaspersky Security Center

Ativando um servidor push

19 de julho de 2024

ID 214620

No Kaspersky Security Center Linux, um ponto de distribuição pode funcionar como um servidor push para os dispositivos gerenciados por meio do protocolo móvel e para os dispositivos gerenciados pelo Agente de Rede. Por exemplo, um servidor push deve ser ativado se você quiser forçar a sincronização dos dispositivos KasperskyOS com o Servidor de Administração. Um servidor push tem o mesmo escopo de dispositivos gerenciados que o ponto de distribuição no qual o servidor push está ativado. Se você tiver vários pontos de distribuição atribuídos ao mesmo grupo de administração, poderá ativar o servidor push em cada um dos pontos de distribuição. Nesse caso, o Servidor de Administração equilibra a carga entre os pontos de distribuição.

É possível querer usar pontos de distribuição como servidores push para garantir que haja conectividade contínua entre um dispositivo gerenciado e o Servidor de Administração. A conectividade contínua é necessária para algumas operações, como executar e interromper tarefas locais, receber estatísticas de um aplicativo gerenciado ou criar um túnel. Caso um ponto de distribuição seja usado como servidor push, não será necessário usar a opção Não desconecte do Servidor de Administração nos dispositivos gerenciados ou enviar pacotes para a porta UDP do agente de rede.

Um servidor push suporta a carga de até 50.000 conexões simultâneas.

Para ativar o servidor push em um ponto de distribuição:

  1. No menu principal, clique no ícone de configurações () ao lado do nome do Servidor de Administração necessário.

    A janela Propriedades do Servidor de Administração é aberta.

  2. Na guia Geral, selecione a seção Pontos de distribuição.
  3. Clique no nome do ponto de distribuição no qual deseja ativar o servidor push.

    A janela Propriedades do ponto de distribuição é aberta.

  4. Na seção Geral, selecione a opção Executar servidor push.
  5. No campo Porta do servidor push, digite o número da porta. Você pode especificar o número de qualquer porta livre.
  6. No campo Endereço para hosts remotos, especifique o endereço IP ou o nome do dispositivo do ponto de distribuição.
  7. Clique no botão OK.

O servidor push é ativado no ponto de distribuição selecionado.

Consulte também:

Sincronização forçada

Este artigo foi útil?
O que podemos melhorar?
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.