Kaspersky Security Center

Obter e visualizar uma lista de arquivos executáveis instalados em dispositivos clientes

5 de abril de 2024

ID 184064

Você pode obter uma lista de arquivos executáveis armazenados em dispositivos gerenciados. Para o inventário de arquivos executáveis, você deve criar uma tarefa de inventário.

Para o Kaspersky Endpoint Security for Linux, o recurso de inventário de arquivos executáveis está disponível a partir da versão 11.2.

Para criar uma tarefa de inventário para arquivos executáveis em dispositivos cliente:

  1. No menu principal, vá para Ativos (dispositivos) → Tarefas.

    A lista de tarefas é exibida.

  2. Clique no botão Adicionar.

    O Assistente para nova tarefa inicia. Siga as etapas do Assistente.

  3. Na página Nova tarefa, na lista suspensa Aplicativo, selecione Kaspersky Endpoint Security for Linux ou Kaspersky Endpoint Security for Windows, dependendo do sistema operacional dos dispositivos clientes.
  4. Na lista suspensa Tipo de tarefa, selecione Inventário.
  5. Na página Concluir a criação da tarefa, clique no botão Concluir.

Após a conclusão do Assistente para novas tarefas, a tarefa Inventário será criada e configurada. Se desejar, você pode alterar as configurações da tarefa criada. A tarefa recém-criada é exibida na lista de tarefas.

Para obter uma descrição detalhada da tarefa de inventário, consulte a Ajuda do Kaspersky Endpoint Security for Linux e a Ajuda do Kaspersky Endpoint Security for Windows.

Após a tarefa Inventário ser executada, a lista de arquivos executáveis armazenados nos dispositivos gerenciados é formada e você pode visualizá-la.

Durante o inventário, arquivos executáveis nos seguintes formatos são detectados: MZ, COM, PE, NE, SYS, CMD, BAT, PS1, JS, VBS, REG, MSI, CPL, DLL, JAR e HTML.

Para exibir a lista dos arquivos executáveis armazenados nos dispositivos cliente:

No menu principal, vá para Operações → Aplicativos de terceiros → Arquivos executáveis.

A página exibe a lista de arquivos executáveis armazenados nos dispositivos cliente.

Consulte também:

Cenário: Gerenciamento de Aplicativos

Este artigo foi útil?
O que podemos melhorar?
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.