Métodos de distribuição dos códigos de ativação para os dispositivos gerenciados

9 de abril de 2024

ID 223114

Os aplicativos da Kaspersky instalados em dispositivos gerenciados devem ser licenciados ao aplicar um código de ativação para cada um dos aplicativos. Não é possível usar arquivos de chave para o licenciamento de aplicativos gerenciados; somente códigos de ativação são aceitos. Um código de ativação pode ser implementado nas seguintes formas:

  • Implementação automática
  • A tarefa de adicionar uma chave de licença para um aplicativo gerenciado
  • Ativação manual de um aplicativo gerenciado

Os aplicativos Kaspersky podem usar mais de uma chave de licença ao mesmo tempo. Por exemplo, o Kaspersky Endpoint Security for Windows pode usar duas chaves de licença: uma para Kaspersky Endpoint Security for Windows e outra para ativação das funções integradas do Endpoint Detection and Response.

Além disso, os aplicativos Kaspersky podem ter não apenas uma chave de licença ativa, mas também uma chave de licença adicional. Um aplicativo da Kaspersky usa uma chave ativa no momento e armazena uma chave reserva para aplicar após a expiração da chave ativa. É possível adicionar uma nova chave de licença ativa ou reserva por qualquer um dos métodos listados acima. O aplicativo ao qual a chave de licença é adicionada define se a chave é ativa ou reserva. A definição da chave não depende do método usado para adicionar uma nova chave de licença.

Consulte também:

Licenciamento do Kaspersky Security Center Cloud Console: cenário

Este artigo foi útil?
O que podemos melhorar?
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.