Recomendações sobre como gerenciar os dispositivos de seus clientes

9 de abril de 2024

ID 153086

Esta seção contém recomendações para organizar os dispositivos de seus clientes que você deseja proteger.

As recomendações dependem do usuário estar utilizando o Kaspersky Security Center pela primeira vez ou já ter utilizado a versão local:

  • Se você nunca usou a versão local do Kaspersky Security Center, terá duas opções:
    • Crie um Servidor de Administração virtual para os dispositivos de cada cliente (opção recomendada). Nesse caso, os dispositivos de cada cliente podem ser gerenciados por meio de um Servidor de Administração virtual dedicado, independentemente. Ao mesmo tempo, você pode usar o Servidor de Administração principal para criar políticas e tarefas comuns para todos os clientes. Os relatórios gerados no Servidor de Administração principal podem incluir dados de todos os Servidores de Administração virtuais.
    • Crie um grupo de administração para cada um de seus clientes. Se quiser dividir ainda mais os dispositivos dos clientes, poderá criar uma hierarquia de grupos de administração subordinados em cada grupo principal. Por exemplo, você pode precisar de grupos subordinados se quiser usar configurações de proteção diferentes para dispositivos de funcionários que trabalham em departamentos diferentes.
  • Se você já usou o Kaspersky Security Center localmente, pode migrar os grupos de administração existentes e objetos relacionados do Kaspersky Security Center local para o Kaspersky Security Center Cloud Console.

    Você não pode migrar Servidores de Administração virtuais. Depois de migrar os grupos de administração e outros objetos, você pode criar servidores de administração virtuais no Kaspersky Security Center Cloud Console.

    Prosseguir para a configuração da migração.

O administrador de um Servidor de Administração virtual só pode prosseguir para este Servidor virtual via Servidor de Administração principal. Todos os objetos criados no Servidor de Administração principal estão disponíveis para serem lidos pelo administrador de um Servidor de Administração virtual (por exemplo, widgets, relatórios ou funções de usuário).

Este artigo foi útil?
O que podemos melhorar?
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.