Implementação inicial

19 de julho de 2024

ID 155194

Se um Agente de Rede já tiver sido instalado em um dispositivo, a instalação remota de aplicativos naquele dispositivo é executada através deste Agente de Rede. O pacote de distribuição de um aplicativo a ser instalado é transferido através de canais de comunicação entre Agentes de Rede e o Servidor de Administração, junto com as configurações de instalação definidas pelo administrador. Para transferir o pacote de distribuição, é possível usar nós de distribuição de transmissão, ou seja, pontos de distribuição, entrega multicast, etc. Para obter mais detalhes sobre como instalar aplicativos em dispositivos gerenciados com o Agente de Rede já instalado, consulte o conteúdo a seguir nesta seção.

Você pode executar a instalação inicial do Agente de Rede em dispositivos que executam o Windows, usando um dos seguintes métodos:

  • Com ferramentas de terceiros para a instalação remota de aplicativos.
  • Com políticas de grupo do Windows: usar ferramentas padrão de gerenciamento do Windows para políticas de grupo.
  • No modo forçado, usando opções especiais na tarefa de instalação remota do Kaspersky Security Center.
  • Enviando aos usuários de dispositivo links para pacotes independentes pelo Kaspersky Security Center. Os pacotes independentes são módulos executáveis que contêm os pacotes de distribuição de aplicativos selecionados com as suas configurações definidas.
  • Manualmente, executando os instaladores do aplicativo em dispositivos.

Em plataformas outras do que o Microsoft Windows, você tem de executar a instalação inicial do Agente de Rede em dispositivos gerenciados através da ferramentas de terceiros existentes, ou manualmente, enviando aos usuários um arquivo compactado com um pacote de distribuição pré-configurado. Você pode fazer um upgrade do Agente de Rede para uma nova versão ou instalar outros aplicativos Kaspersky em plataformas que não sejam o Windows, usando Agentes de Rede (já instalado em dispositivos) para executar tarefas de instalação remotas. Neste caso, a instalação é idêntica a nos dispositivos que executam o Microsoft Windows.

Ao selecionar um método e uma estratégia para a implementação de aplicativos em uma rede gerenciada, é necessário considerar um número de fatores (lista parcial):

  • Configuração da rede corporativa
  • Número total de dispositivos
  • A presença de domínios do Windows na rede gerenciada, com a possibilidade de modificar as políticas de grupo do Active Directory nesses domínios
  • A ciência das contas de usuário com direitos de administrador locais em dispositivos nos quais a implementação inicial de aplicativos Kaspersky foi planejada (ou seja, a disponibilidade de uma conta de usuário de domínio com direitos de administrador local ou a presença de contas de usuários locais unificadas com direitos de administrador naqueles dispositivos)
  • Tipo de conexão e a banda larga de canais de rede entre o Servidor de Administração e redes cliente MSP, assim como a banda larga de canais dentro daquelas redes
  • Configurações de segurança aplicadas em dispositivos remotos no início da implementação (tal como o uso do modo UAC e de Compartilhamento de arquivo simples)

Este artigo foi útil?
O que podemos melhorar?
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.