Kaspersky Endpoint Security 12 for Windows

Guia de migração do KEA para KES para o Kaspersky Sandbox

8 de julho de 2024

ID 224252

A partir da versão 11.7.0, o Kaspersky Endpoint Security for Windows inclui um agente interno para a solução Kaspersky Sandbox. Não é mais necessário um aplicativo separado do Kaspersky Endpoint Agent para funcionar com o Kaspersky Sandbox. Todas as funções do Kaspersky Endpoint Agent serão executadas pelo Kaspersky Endpoint Security.

Quando o Kaspersky Endpoint Security é implantado em computadores com o Kaspersky Endpoint Agent instalado, a solução Kaspersky Sandbox continuará funcionando com o Kaspersky Endpoint Security. Além disso, o Kaspersky Endpoint Agent será removido do computador. O mesmo comportamento no sistema ocorrerá quando você atualizar o Kaspersky Endpoint Security para a versão 11.7.0 ou posterior.

O Kaspersky Endpoint Security não é compatível com o Kaspersky Endpoint Agent. Não é possível instalar os dois aplicativos no mesmo computador.

As seguintes condições devem ser atendidas para que o Kaspersky Endpoint Security funcione como parte do Kaspersky Sandbox:

Etapas para migrar a configuração [KES+KEA] para [KES+agente integrado] para o Kaspersky Sandbox

  1. Atualização do plug-in da Web do Kaspersky Endpoint Security

    O componente Kaspersky Sandbox pode ser gerenciado usando o plug-in da Web do Kaspersky Endpoint Security versão 11.7.0 ou posterior.

  2. Migrar as políticas e tarefas

    Transfira as configurações do Kaspersky Endpoint Agent para o Kaspersky Endpoint Security for Windows. Para fazer isso, use o assistente para migrar do Kaspersky Endpoint Agent no Web Console.

    Como migrar as configurações de políticas e tarefas do Kaspersky Endpoint Agent para o Kaspersky Endpoint Security no Web Console

  3. Licenciamento da funcionalidade do Kaspersky Sandbox

    Para ativar o Kaspersky Endpoint Security como parte da solução Kaspersky Sandbox, é necessária uma licença separada para o add-on do Kaspersky Sandbox. É possível adicionar a chave utilizando a tarefa Adicionar chave. Como resultado, duas chaves serão adicionadas ao aplicativo: Kaspersky Endpoint Security e Kaspersky Sandbox.

  4. Instalação/atualização do aplicativo Kaspersky Endpoint Security

    Para migrar a funcionalidade do Kaspersky Sandbox durante a instalação ou upgrade de um aplicativo, é recomendável usar a tarefa de instalação remota. Ao criar uma tarefa de instalação remota, selecione o componente do Kaspersky Sandbox nas configurações do pacote de instalação.

    Também é possível baixar o aplicativo utilizando os seguintes métodos:

    • Uso do serviço de atualização da Kaspersky.
    • Localmente, usando o Assistente de configuração.

    O Kaspersky Endpoint Security é compatível com a seleção automática de componentes ao atualizar o aplicativo em um computador com o aplicativo Kaspersky Endpoint Agent instalado. A seleção automática dos componentes depende das permissões da conta do usuário que está atualizando o aplicativo.

    Caso esteja atualizando o Kaspersky Endpoint Security com um arquivo EXE ou MSI com a conta do sistema (SYSTEM), o Kaspersky Endpoint Security obtém acesso às licenças atualmente em uso das soluções da Kaspersky. Portanto, se o computador possui, por exemplo, o Kaspersky Endpoint Agent instalado e a solução Kaspersky Sandbox ativada, o instalador do Kaspersky Endpoint Security configura automaticamente o conjunto de componentes e seleciona o componente do Kaspersky Sandbox. Isso faz com que o Kaspersky Endpoint Security alterne o uso do agente integrado e remova o Kaspersky Endpoint Agent. A execução do instalador do MSI na conta do sistema (SYSTEM) normalmente é feita com a atualização por meio do serviço de atualização da Kaspersky ou ao implementar um pacote de instalação por meio do Kaspersky Security Center.

    Caso esteja atualizando o Kaspersky Endpoint Security com um arquivo MSI com uma conta de usuário não privilegiado, o Kaspersky Endpoint Security perde o acesso das licenças atualmente em uso das soluções da Kaspersky. Neste caso, o Kaspersky Endpoint Security seleciona automaticamente os componentes de acordo com a configuração do Kaspersky Endpoint Agent. Depois disso, o Kaspersky Endpoint Security passa a usar o agente integrado e remove o Kaspersky Endpoint Agent.

    O Kaspersky Endpoint Security é compatível com a atualização sem reinicialização do computador. É possível selecionar o modo de atualização do aplicativo nas propriedades da política.

  5. Verificação do funcionamento do aplicativo

    Se, após a instalação ou atualização do aplicativo, o computador estiver com o status Crítico no console do Kaspersky Security Center:

    • Certifique-se de que o computador possui o Agente de Rede versão 13.2 ou posterior instalado.
    • Verifique o status operacional do agente integrado visualizando o relatório de status dos componentes do aplicativo. Caso o componente tenha o status Não instalado, instale o componente usando a tarefa Alterar componentes do aplicativo. Caso um componente tenha o status Não coberto pela licença, certifique-se de que a funcionalidade do agente integrado esteja ativada.
    • Certifique-se de aceitar a Declaração da Kaspersky Security Network na nova política do Kaspersky Endpoint Security for Windows.

Este artigo foi útil?
O que podemos melhorar?
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.
Agradecemos o seu comentário! Ele nos ajuda a melhorar.